Rogério Minotouro nocauteia Patrick Cummins no UFC 198

 

Com performance de destaque, Rogério Minotouronão tomou conhecimento do duro Patrick Cummins e, usando o boxe, que já lhe rendeu uma medalha de bronze nos jogos Pan-americanos de 2007, no Rio de Janeiro, nocauteou o americano ainda no primeiro assalto, no card preliminar do UFC 198, disputado em Curitiba (PR),o último sábado (14).

Com este triunfo, o líder do Team Nogueira se recupera de último revés, quando foi derrotado por Maurício Shogun, no UFC 190, em 2015. Já o americano sofre sua segunda derrota seguida, já que em novembro do ano passado, também foi nocauteado, dessa vez para Glover Teixeira.

O primeiro round começou com muito estudo, com os dois lutadores pouco arriscando. Minotouro, mais parado no centro do octógono, buscava a hora certa de atacar. Com o boxe afiado, o irmão de Minotauro evitou todas as defesas de queda de Cummins e engatou uma sequência de socos que balançaram o adversário, que, por ora, sobreviveu. No entanto, faltando cerca de 30 segundos para o fim da parcial, Minotouro acertou um cruzado no queixo do rival, que quase caiu. Com o americano grogue, Minoto partiu para o ataque, teve nova sequência de socos, que obrigaram o juíz Leon Roberts a interromper o combate.

“Quando vi a torcida, realmente entrei para ganhar. O importante foi voltar e mostrar para a galera que estou vivo, que estou na disputa. O Cummins é um cara muito duro, mais novo. Um nocaute como esse mostra que estou muito bem treinado, e isso foi fruto do trabalho realizado com meus treinadores no Team Nogueira. Agradeço muito ao Vander Valverde, Rick Monstro, Erivan Conceição e ao Davi Ramos”, disse Rogério após a vitória.

 

Please reload

Posts Em Destaque

Eles cresceram aqui

1/9
Please reload

Posts Recentes

August 8, 2018